Império: José Alfredo liga para número de “Fabrício Melgaço” e fica em choque com quem atende

Comendador recebe bilhete na prisão com contato do suposto homem que quer acabar com a sua vida


17 de setembro de 2021

Foto: Reprodução Globo/Montagem

Nos próximos capítulos de Império, José Alfredo (Alexandre Nero) vai ficando cada vez mais próximo de descobrir quem é o tal Fabrício Melgaço, o homem que quer destruir a sua vida. Mesmo depois de ter investigado e feito uma lista com nomes de várias pessoas próximas e até da família, o comendador ainda não descobriu a identidade do pilantra.

Mas ele se surpreenderá com um recado do homem, no seu primeiro dia no presídio. Quando recebe a marmita para o almoço, ele abre e vê ali um bilhete. Ali, diz para ele ligar para o número descrito que é de Fabrício Melgaço. Zé pergunta a um dos agentes penitenciários se ele pode usar o telefone. O rapaz informa que ele pode pedir para, no dia seguinte, fazer uma ligação.

Foto: Reprodução Globo

JOSÉ ALFREDO LIGA PARA O NÚMERO DE “FABRÍCIO MELGAÇO” E QUEM ATENDE É O SEU ADVOGADO, MERIVAL

Logo após tomar sol, Zé vai até o local onde há um telefone Ele disca uma vez o número anotado e dá ocupado. Mas na segunda vez, a outra pessoa atende. “Merival Porto falando! Alô”, diz ele. O comendador fica um tempo em silêncio, incrédulo, ao ouvir a voz do seu fiel advogado de anos. “Merival, é você?”, diz ele.

O advogado fica surpreso e pergunta como ele conseguiu esse seu outro número, que é pessoal e ele não passa aos clientes. O comendador conta que deram esse número para ele na penitenciária. “Na certa já tinham esse meu número de outros casos. Eu vou atualizar na minha próxima ida aí”. Merival quer saber como Zé está. “Eu não posso dizer que estou bem, porque eu estou preso”, fala o empresário.

Foto: Reprodução Globo

Merival quer saber o que ele queria falar. “Não, não é nada não, nada objetivo, só para saber com é que tava o processo”. O advogado garante que está inteiramente debruçado sobre o caso e que em breve dará notícias. Zé agradece. “Tá certo, muito obrigado”.

O comendador desliga o telefone meio desorientado e ouve a reclamação de outros presos que querem usar o aparelho. Já na cela, ele recebe uma sacola mandada por Marta (Lilia Cabral) com algumas roupas, comidas e um porta-retrato com uma foto da família. O comendador olha e comenta. “Será que eu ainda faço parte dessa família?”.

Foto: Reprodução Globo