Salve-se Quem Puder: Bia interrompe beijo de Tarantino por causa do marcapasso: "Não me toca"

A jovem se assusta, vai embora e deixa o amado preocupado


  • 23 de fevereiro de 2020
Foto: Globo/João Miguel Junior


Bia (Valentina Bulc) ainda não consegue se entregar a uma relação desde que colocou o marcapasso por conta de um problema cardíaco.

Mesmo curtindo o início de namoro com Tarantino (Daniel Rangel), ela se assustará com um toque dele próximo ao aparelho durante um beijo.

Essa sequência deve ser exibida no dia 27 de fevereiro.

TARANTINO DECLARA SEU AMOR À BIA: “SERÁ QUE AINDA NÃO TÁ CLARO? POR VOCÊ EU ESPERAVA O TEMPO QUE FOSSE...”

Bia e Tarantino estão sentados num banco comendo maçã do amor. O ginasta comenta sobre a nova babá dos irmãos Kyra/Cleyde (Vitória Strada), sem nunca imaginar que ela vem a ser irmã de Bia. “Cê tinha que ver como a babá dobrou meus irmãos. Isso nunca aconteceu antes... Devem tar lá enchendo a pança de comida”, conta ele.

Bia lembra, nesse momento de Kyra. “Sabe, minha irmã era assim... Tinha tanto jeito com criança. Super paciente”, fala. “Diferente de você, né? Cê é mais enfezadinha... Demorou pra baixar a guarda comigo”, brinca ele. A jovem sorri. “Só que você não é nenhuma criança. (e fica séria) E eu tinha os meus motivos”, fala.

Nessa hora, Tarantino coloca a maça no banco e dá uma beijo carinhoso na amada. “Mas esses motivos acabaram, né? Senão, a gente não ia tar aqui. Se beijando assim...”, fala ele, que dá vários beijos seguidos em Bia. A jovem vai se entregando, entrando no clima. “E ainda bem que cê foi paciente comigo...”, fala ela.

Tarantino olha nos olhos da amada. “Será que ainda não tá claro? Por você eu esperava o tempo que fosse...”, declara-se ele. Eles se entregam a um beijo ainda mais apaixonado. Ela segura o cabelo dele, e ele, a cintura dela. O clima vai esquentando, até que Tarantino sobe um pouquinho um mão acima da cintura dela.

Salve-se Quem Puder: Alan surpreende Kyra com jantar

Salve-se Quem Puder: Téo confronta Helena sobre qual o problema dela com Luna/Fiona

BIA APÓS TARANTINO DIZER QUE NUNCA FARIA NADA QUE A DESRESPEITASSE: “EU ACREDITO... CÊ NÃO FEZ NADA DE ERRADO, O PROBLEMA SOU EU...”

A mão dele nem chega perto dos seios, mas Bia dá um pulo. “Não me toca! Não me toca!”, fala ela, assustada e constrangida. Tarantino fica sem ação, preocupado, confuso. “Que foi, Bia? Que que eu fiz?”, quer saber ele. Uma mulher que passa nesse momento ali perto, se intromete. “Garoto, quando uma mulher diz não, é não!”, avisa.

O rapaz, sem entender nada, responde que não fez nada de errado. “Vou pedir um táxi, Tarantino... Quero ir pra casa...”, diz Bia, atormentada. “Bia, se eu fiz alguma coisa que cê não gostou, me desculpa, por favor... Tava te abraçando, só fui acomodar minha mão. Não ia fazer nada que te desrespeitasse, acredita em mim!”, fala.

Mesmo nervosa, Bia tenta tranquilizá-lo. “Eu acredito... Cê não fez nada de errado, o problema sou eu....”, afirma ela. “Olha, relaxa um pouco, não vai pra casa, a gente acabou de chegar”, pede ele. “Desculpa, Tarantino, mas eu não posso. Não posso mesmo...”, diz ela, que vai saindo. “Bia, espera! Me deixa pelo menos te acompanhar”, insiste ele.

A ginasta diz que precisar ir. “Não insiste, cê não entende”, fala. “Então me explica! Tava tudo bem, aí de repente você...”, fala ele. “Respeita minha decisão...”, pede ela. “Tá, se é o que cê quer. Só manda mensagem quando chegar em casa, por favor”, diz ele, arrasado. “A gente se vê”, fala ela, que sai. “Que que eu fiz de errado?”, diz o jovem a si, angustiado.

Salve-se Quem Puder: Luna confessa que está sentindo algo por Téo: “Foi forte”

Salve-se Quem Puder: Bia e Tarantino cada vez mais apaixonados



Veja Também