Luiza Tomé vira Judy Garland em ensaio para livro beneficente

Ela voltará à Globo em O Sétimo Guardião revivendo personagem fogosa de 1997


  • 10 de setembro de 2018
Foto: Duos Produtora


Com a beleza e classe de sempre, Luiza Tomé se transformou em uma das maiores divas de Hollywood, July Garland, por uma causa nobre. A atriz é uma das 70 personalidades que participam do livro Elas, em que famosas personificam mulheres que fizeram história.

“Eu assistia Judy Garland na sessao da tarde, quando ainda sonhava em ser atriz”, conta Luiza, referindo-se à estrela, mãe de Liza Minelli, considerada pelo Instituto Americano de Cinema a maior atriz de todos os tempos.

A ideia da obra, que tem previsão de lançamento para abril de 2019, é exaltar a força, importância e sensibilidade de mulheres que marcaram época.

“Antes tinha um glamour, um encanto que nao existe mais hoje, elas eram lindas. E quando eu decidi ser atriz fui me inspirando em cada uma delas. A Judy Garland era uma das minhas referências”, lembra Luiza.

Foto: Duos Produtora

As fotos são assinadas por Duos Produtora; make de Vivian Figueiredo; supervisão de caracterizacão de Lu Alvarez; pesquisa de figurino e styling de Mari Gallo e Helo Lacerda; produção executiva de Camila Prado; assessoria de Ingrid Lopes; direcão de arte de Pollyana Piva; e direção geral de Leticia Piva.

“Sou muito focada. Dei o meu melhor para transmitir nas fotos a beleza e a ternura de Judy”, explicou a atriz.

O livro, que conta com a participação de nomes como Bia Arantes, Carla Diaz, Tânia Mara, Karin Hils, Mari Moon, Sthefany Brito e Leona Cavalli, terá toda a renda revertida para a causa AME João e Miguel. Eles são dois irmãos de Florianópolis que lutam contra a atrofia medular espinhal.

Foto: Duos Produtora

Laryssa Ayres viverá a skatista Diana em O Sétimo Guardião

Roberto Birindelli será o bronco Tobias em O Sétimo Guardião

LUIZA TOMÉ VOLTA À GLOBO APÓS 14 ANOS, E REVIVE PAPEL DE GRANDE SUCESSO

Longe da Globo desde 2004, quando atuou em Começar de Novo, Luiza Tomé está de volta à emissora carioca para participar de O Sétimo Guardião, próxima trama das 9 de Aguinaldo Silva, com estreia em novembro.

E esse seu retorno não poderia ser mais especial. Luiza irá reviver a personsagem Scarlet Williams Mackenzie Pitiguary, de A Indomada, de 1997, do próprio Aguinaldo. E na participação, que deve durar cerca de 50 capítulos, ela reedita a parceria com Paulo Betti, que vivia o seu marido, o prefeito Ypiranga Pitiguary.

O casal fez muito sucesso na época por causa da alta libido, que levava a personagem de Luiza a uivar quando tinha vontade de “nhanhar”, bordão que fez sucesso em todo o país, como sinônimo de fazer sexo. Em O Sétimo Guardião, em vez de prefeito e primeira-dama, eles serão empreiteiros, responsáveis pelas instalações das antenas de celular em Serro Azul, cidade fictícia onde se passa a história.

Durante o período longe da Globo, Luiza, que tem sólida carreira de mais de 30 anos na TV e também no teatro e no cinema, atuou em tramas de sucesso da Record, como Cidadão Brasileiro, Luz do Sol, Bela, a Feia, Dona Xepa e Apocalipse.



Veja Também