Laços de Família: Edu sai de casa após Alma dizer que ele e Camila estão apaixonados

Briga do médico com a tia tem acusações, revelações e até bofetada


04 de outubro de 2020

Foto: Reprodução Globo

Alma (Marieta Severo) nunca engoliu o romance de Edu (Reynaldo Gianecchini) com Helena (Vera Fischer). E desde que começou a perceber a aproximação dele com Camila (Carolina Dieckmann), filha da empresária, a socialite aposta que ali há mais do que uma amizade. Enquanto o médico fala com Estela (Júlia Almeida), Alma entra no quarto e diz querer conversar com ele. “Eu estou preocupada com você”, fala. O rapaz diz dispensar a preocupação dela, até porque ela tem infernizado a vida dele com um “ciúme idiota”. Alma fala que é amor, mas Edu afirma que ela não pode falar de amor, já que está no quarto casamento e trata seus ex, como cachorrinhos.

Nisso, a socialite pergunta o que é o amor da Helena por ele. “É o amor que me interessa, o que eu quero, o que eu preciso e o que me faz falta. Será que você não entendeu até agora que a gente se ama de verdade?”, afirma. Alma joga pesado. “E o amor da filha da Helena, que nome que tem?”, quer saber. O médico pergunta o que ela quer dizer com isso. “Você enlouqueceu”, diz ele. Ela fala que não. “Eu sei muito bem ler nos olhos das pessoas o que elas sentem de amor de ódio. E eu estou vendo com toda a certeza que você e a filha da Helena estão apaixonados”, fala. Edu se levanta, furioso, e agarra a tia pelos braços. Ela o encara. “Com toda a certeza”, diz.

Alma não se rebaixa. “E se não estão, logo estarão”, completa. Irônica, ela pergunta se chegou o dia de ele agredi-la. “Não se acanhe”, fala. O médico quer saber quem enfiou essa sujeira na cabeça dela. “Sujeira por quê? Se você acha normal se apaixonar por uma mulher de 40 anos por que é sujeira se apaixonar por uma de 20?”, indaga ela. “Porque são mãe e filha. E porque não é verdade”, afirma ele. Alma garante que há muitos casos. “Mas comigo não está acontecendo isso, nem com a Camila, eu tenho certeza. Eu não admito que você venha com esse tipo de agressão ou ofensa”, fala o rapaz.  

Alma o encara, dizendo que se isso já o agride tanto é porque ele já luta contra esse sentimento. “Só que você não quer sentir o que você está sentindo”, afirma ela. Edu, então, toma uma decisão. “Isso foi a gota d’água pra mim. Se eu tivesse feito isso já como eu queria, nada disso teria acontecido”, fala. Alma parece não acreditar. Ele fala que ela o amparou, o apoiou, mas quer ser dona dele, do que sente. A socialite o agarra e grita. “Você não vai fazer isso, se você fizer, eu não vou permitir que você volte”, avisa. “Mas é isso o que eu vou fazer”, garante ele. Edu coloca tudo o que vê na frente numa bolsa e sai. Alma corre atrás. Os dois discutem feio. Até que ela fala: “Vai, vai ser feliz com uma ou outra, ou com as duas”, afirma.

Bravo, Edu se aproxima e joga na cara da tia que ela sempre mentiu dizendo que não quis ter filhos para cuidar dele e da Estela. “Como não é verdade?”, fala ela. “Porque nunca pode ter filhos, é estéril”, afirma ele. “Eu sei disso há muito tempo. Eu e a Estela não substituímos os filhos que você não quis ter, mas os que não pode ter, e isso faz uma grande diferença”, fala ele. Furiosa, Alma dá uma tapa na cara do sobrinho. “Eu odeio você”, diz ela. “Então estamos quites”, fala ele. “Ruaaaa”, grila a socialite. “É pra onde eu tô indo”, diz ele, que sai da casa.

Laços de Família: Helena sugere que Camila não receba Edu em casa quando ela não estiver

Laços de Família: Camila vai à festa de Alma com Edu e sai do local chorando