Fina Estampa: Patrícia se encanta pelo professor Alexandre

Antenor fica furioso com proximidade dos dois e diz que a jovem é “a sua vida”  


  • 10 de maio de 2020
Foto: Globo/Estevam Avellar


Depois do trauma da perda do bebê, Patrícia (Adriana Birolli) decide voltar às aulas. Empolgada, ela entra na sala e dá de cara com o novo professor Alexandre (Rodrigo Hilbert). “Parece que eu cheguei muito cedo”, diz ela. “Você é?”, pergunta ele. “Patrícia Velmont”, fala. Ele olha a sua planilha. “Não, acho que você chegou muito tarde depois de ter faltado todas as minhas aulas. Já avançamos bastante na parte de neurociência...”, diz ele.

Patrícia tenta se explicar. “Mas é que eu tive um problema...”, fala. “Você vai ter que me dar uma razão muito boa para ter chegado só agora. Do contrário...”, diz ele. A jovem fica passada. “Eu sofri um aborto...”, conta ela, que sai. Alexandre fica ali, constrangido, e sem ação. Ela conta para as amigas tudo o que aconteceu. E diz que não entende porque elogiavam tanto ele.

A jovem ressalta que ele foi péssimo com ela. “Comigo ele foi arrogante, pretencioso, não tinha razão nenhuma para ele me tratar desse jeito”, fala. Nisso, Alexandre aparece e fica frente a frente com Paty. “Eu peço desculpas, das mais sinceras. Eu tenho que reconhecer que eu sou vaidoso, que sou um neurocientista apaixonado, e que tenho muito prazer em dar aula. Por isso, desculpa, mas eu reagi mal a uma aluna que não deu as caras nas minhas aulas”, diz.

O bonitão continua tentando se explicar. “Mexeu com o meu bem estar. E você sabe que o bem estar é o resultado de sentimentos como o prazer, motivação, autoestima. Entende? A minha autoestima foi abalada”, fala. Ali, de uma sala próxima, Antenor (Caio Castro) observa os dois. E fica passado.

PATRÍCIA À ALEXANDRE APÓS SITUAÇÃO CONSTRANGEDORA: “EU ACHO QUE VOCÊ NÃO É TÃO INSENSÍVEL ASSIM”

Patrícia ouve as explicações do professor. “Eu acho que você não é tão insensível assim. Ou você acaba de dar uma microaula de neurociência ou esse foi o pedido de desculpas mais esquisito que eu já ouvi”, diz ela. “É um misto dos dois. E uma tentativa de ser simpático e engraçado depois de ter sido um grosso com você, o que é imperdoável”, desculpa-se ele. “Tem razão... Mas mesmo assim eu vou te perdoar”, garante ela.

A jovem entra no clima do professor. “Vai te ajudar a ativar o sistema de recompensa, que dá satisfação quando a gente faz alguma coisa que deu certo”, fala. Alexandre tece elogios à moça. “Inteligente, bem-humorada, interessada em neurociência. Vai ser um prazer ter você nas minhas aulas”, diz ele, deixando Patrícia encantada. Ali perto, Antenor não gosta nada do que vê. “Babaca...”, fala. “Qual foi Antenor?”, pergunta Daniel (Guilherme Boury).

Antenor mostra-se irritado. “Olha a patrícia conversando com aquele... Pra onde ela está indo?”, diz ele. O rapaz se levanta para ir em direção a ex, mas é contido por Daniel. “Você não pode fazer escândalo”, fala. “Ela não pode fazer isso comigo”, reclama o estudante. “Ela disse para cada um viver a sua vida”, lembra Daniel. “A Patrícia é a minha vida”, constata ele. "Mas quem mandou fazer tudo errado?”, diz o jovem. Alexandre conta que vai criar um laboratório de neurociência na faculdade. E Paty se candidata a assistente.

Fina Estampa-Amália é firme com Rafael: “Só fico com você se confessar crimes à polícia”

 

Fina Estampa: Teodora se joga no mar e é salva por Quinzé

 



Veja Também