Éramos Seis: Inês é apresentada a João Aranha e o destrata

Shirley decide dar a chance do pai biológico conhecer a filha


  • 19 de outubro de 2019
Foto: Globo/Raquel Cunha


Não vai ser da forma mais gentil que Inês (Gabriella Saraivah) receberá João Aranha (Caco Ciocler) em sua casa.

Depois de deixar Afonso (Cássio Gabus Mendes) arrasado com a decisão de aproximar a jovem do pai biológico, Shirley (Barbara Reis) fica possessa com a grosseria da filha.

Essa sequência deve ser exibida no dia 23 de outubro.

INÊS DESTRATA JOÃO ARANHA: “FOI O SENHOR QUE ESCREVEU CARTAS PRA MINHA MÃE”

Inês está no sofá de sua casa, arrumada. Nisso, Shirley entra com João. “Este é o João Aranha, um amigo da sua mãe”, fala. A jovem sorri contra a vontade. “Muito prazer... Eu lembro do senhor, é o freguês que esteve no armazém. Não me falou que era amigo”, diz. “Mas sou. Conheço sua mãe há muito tempo e desejava conhecer você, Inês”, fala o ricaço.

Logo dá para perceber que Inês não vai com a cara de João. “Conhece minha mãe há quanto tempo?”, quer saber ela. “Praticamente crescemos juntos. Ficamos muito afastados e o destino nos reuniu de novo”, conta ele. Nesse momento, João dá a ela um livro: A Ilha do Tesouro. “Pra você, é um livro ótimo... Sua mãe disse que gosta de escrever e desenha bem, eu também, sabia?”, conta ele.

Inês pega o livro, totalmente sem vontade. E logo pergunta, sem rodeios. “Foi o senhor que escreveu cartas pra minha mãe?”, quer saber. “Inês, que pergunta é essa? Comporte-se”, fala Shirley. “Foi, não foi? Quero saber. Conheceu meu pai? Ele também é da Bahia”, insiste a garota. “Conhecia... o Antônio. Não éramos próximos”, diz João.

Inês continua implicante. “E continuam não sendo próximos porque ele não está aqui pra receber o senhor. E se meu pai não faz questão de estar com o senhor eu também não faço!”, afirma ela. “Minha nossa, Inês, não seja mal educada”, chama a atenção Shirley. “Não quero conhecer seu amigo. Por mim, pode ir embora da minha casa! Da casa do meu pai!”, fala.

Nisso, a jovem deixa a ala e entra no seu quarto furiosa, deixando o livro pra trás. “Inês! Inês! Que desastre. Inês não tem modos, me desculpe”, fala ela para João. “Não. Ela precisa se acostumar comigo. Vamos aos poucos, combinamos de dar uma passeio, ir a um parque de diversões... O que acha?”, propõe ele. “Acho que ela vai me odiar”, constata Shirley. “Foi o primeiro encontro. Não vamos desistir”, fala ele, esperançoso. E Shirley fica ali, tensa.

Rayssa Bratillieri entra em Éramos Seis: “Soraia vai ter uma virada e isso me instiga”

Eduardo Sterblitch em novos ares: “Universo conspira quando é para acontecer”



Veja Também