Colegas lembram sorriso solto e alto astral de Caio Junqueira

Record TV exibe Tropa de Elite em homenagem ao ator, que morreu aos 42 anos


  • 23 de janeiro de 2019
Foto: Globo/Bob Paulino


A classe artística não para de se manifestar através de redes sociais sua dor com a perda de Caio Junqueira, aos 42 anos. O ator estava internado há uma semana no Hospital Miguel Couto, após sofrer grave acidente de carro, no Rio.

Colegas da Globo, da Record TV e dos inúmeros filmes dos quais o ator participou escreveram mensagens carinhosas e de solidariedade à família. A maioria deles que trabalhou com Caio lembra do sorriso solto e do alto astral frequentes do ator nos bastidores.

Caio é filho do ator Fábio Junqueira, falecido em 2008, e irmão do também ator Jonas Torres.

Veja!

 

 

 

 

 

Caio tão talentoso, uma perda triste, meu carinho pra toda a família. O silêncio dói.

Uma publicação compartilhada por Lilia Cabral (@lilia_cabral) em

 

 

Ai Caio não, noticia que despedaça meu coração ... vai em paz ????????.

Uma publicação compartilhada por Camila Rodrigues (@camilarodrigues11) em

 

Um sopro... ????

Uma publicação compartilhada por Bruno Gagliasso ?????????? (@brunogagliasso) em

 

 

Caio, meu irmãozinho, meu parceiro de primeiros filmes, de Baixo Gávea, de virar e amanhecer na praia e rir de cueca no mar da zona sul, de risca-faca em Vitória da Conquista. O melhor de estar contigo era ficar muito à vontade e sem neura. E sorrir. Caio lindo, anjo sapeca. Todo mundo te amava muito, viu? Eu não creio num céu de nuvem, cheio de querubins como você, meu querido, mas num céu comum, inconsciente, e nesse céu nosso você mora como arquétipo do homem-menino que sorri apesar da vida ser assim, dura. Ontem tava esperançoso e te mandei mensagem: - Caíto, me diz quando puder falar, quando vir esse recado. Força, meu amor! Tô meio sem saber me despedir de você por que é cedo ainda. Tô chorando por ser você, o anjo sapeca, a partir primeiro. Meu irmão, choro por você ter ido antes de mim. É injusto: tua alma é mais bonita. Um beijo eterno, parceiro. Vive agora no céu das minhas melhores lembranças.

Uma publicação compartilhada por Matheus Nachtergaele (@mathnachtergaele) em

CAIO COMEÇOU A CARREIRA AOS 9 ANOS EM PROGRAMA NA MANCHETE

Desde os 9 anos de idade, Caio já mostrava seu talennto na TV. Ele participou do humorístico Tamanho Família, da extinta TV Manchete, em 1985.

Depois atuou em tramas globais como Desejo, em que viveu o Quidinho, em 1990, em Barriga de Aluguel, Engraçadinha, Malhação, Hilda Furacão, O Quinto dos Infernos. Sua última participação na Globo foi em Desejo Proibido, em 2007.

Já na Record TV, fez parte do elenco das tramas A Lei e O Crime, Ribeirão do Tempo, José do Egito e Milagres de Jesus.

Nos cinemas, fez inúmeros trabalhos bacanas, entre eles Zuzu Angel e Tropa de Elipe. Neste último, deu vida ao policial Neto Gouveia, um dos principais papeis do longa.

Para homenager o ator, a Record TV exibe Tropa de Elite na noite desta quinta-feira, 24 de janeiro, no Cine Record Especial.



Veja Também