A Dona do Pedaço: O caçula de Dorotéia e Eusébio volta como Britney

Jovem, vivida por atriz trans, surpreende a família ao revelar transição de gênero


  • 27 de maio de 2019
Foto: Globo/João Cotta


Rarisson (Theo Almeida/Glamour Garcia), o filho caçula de Eusébio (Marco Nanini) e Dorotéia (Rosi Campos), deixou São Paulo por alguns anos ao ganhar uma bolsa para estudar Ciências Contábeis.

A família fica eufórica ao saber que ele retornará a São Paulo. Todos, inclusive as amigas Maria da Paz (Juliana Paes) e Marlene (Suely Franco), resolvem recepcioná-lo na rodoviária. Mas a surpresa é grande...

Essa sequência, que mostrará a estreia na TV de Glamour Garcia, uma atriz trans, irá ao ar no capítulo desta quarta-feira, dia 29 de maio.

JOVEM SURPREENDE A FAMÍLIA AO DESCER DO ÔNIBUS: “SOU TRANS. PODEM ME CHAMAR DE BRITNEY”

Parece até torcida organizada. Todos estão eufóricos ma área de desembarque com a chegada do ônibus de Rarisson. “Que emoção, que emoção!”, diz Dorotéia. “Eu sei, Dodô, que emoção, um filho voltar depois de tantos anos”, diz Maria. “Que cara é essa, mano?”, pergunta Rock (Caio Castro). “Não é uma boa ideia a festa na rodoviária”, avisa Zé Hélio (Bruno Bevan), o único a saber de toda a história. 

Nisso, em se tratando desta família, há muitas discussões no local... Até que o ônibus chega e vão descendo todos os passageiros. Menos uma. “Eu acho que já desceram todos”, constata Dorotéia. “Não veio? Nosso Rarisson não veio?”, diz Eusébio. E é nessa hora que desce Britney, à princípio, não reconhecida por eles. “Mamãe. Sou eu”, fala ela. “Rarisson?”, diz Dorotéia. “Ra ri son son?”, emenda Eusébio. “Sou trans. Podem me chamar de Britney”, apresenta-se ela.

Chocado, Eusébio deixa a rolha da champagne estourar. “Meu filho Rarisson ganhou uma bolsa de estudos e foi morar anos longe de casa. E de volta, o que eu recebo? Uma filha”, diz ele. “Meu netinho que era tão lindo, tão macho. Igual esse aí”, fala Cornélia, mostrando Rock. “Não me põe na roda não. Eu sou macho. Já ele...”, fala Rock. “Ela, faz favor. Se nos documentos eu já posso ser eu mesma, também mereço respeito. Ela”, ressalta Britney.

Os ânimos se exaltam, e é Maria da Paz que tenta acalmar todos. “Mas agora, Dodô... seu Eusébio... Ela continua sendo sua filha. Têm que amar, o amor não pode ter preconceito, ainda mais amor de pai e de mãe. Têm que aceitar ela como ela é”, diz a boleira. “Brigado, Maria da Paz”, agradece Britney. “Exatamente. Como ela é? Preciso saber tudo. Virou trans. Tem peito. Traseiro. Curvas. Mas... cortou?”, quer saber Eusébio. “Cortei o quê?”, diz Britney. “Aquilo. Aquele!”, tenta se explicar Eusébio.

Acelera: A Dona do Pedaço tem melhor média desde 2013

A Dona do Pedaço: Maria é ridicularizada em leilão por look

 

 



Veja Também