A Dona do Pedaço: Maria da Paz dá bofetada em Amadeu

Advogado pede à boleira para não procurá-lo mais após acusação de interesse na grana dela


  • 13 de junho de 2019
Foto: Reprodução Globo


O plano de Régis (Reynaldo Gianecchini) e Josiane (Agatha Moreira) de separar de vez Maria da Paz (Juliana Paz) e Amadeu (Marcos Palmeira) está dando certo.

E a boleira ainda entra na pilha do playboy e da filha de que Amadeu pode estar interessado mesmo na morte dela para ficar administrando o dinheiro que será de Josiane.

Essa sequência começa a ser exibida no dia 21 de maio.

MARIA ACUSA AMADEU DE TER INTERESSE  NO DINHEIRO DELA: “EU QUE FUI BOBA DE FICAR PRESA NESSE AMOR A VIDA TODA. MAS AGORA, EU ESTOU DE OLHOS ABERTOS”

Maria marca um encontro com o ex. “Eu tou com a cabeça fervendo, Amadeu. Quero que me dê satisfação”, diz ela, já diante do ex. O advogado logo explica que o sobrinho Rael (Rafael Queiroz) estava na cidade, mas ele nem tinha conhecimento disso. “Sou advogado, não vou deixar ele mofar na cadeia. Mas ouça, ele nunca mais vai tentar nada contra você”, garante. “Quer que eu acredite?”, diz ela. “Duvida de mim?, rebate ele. “Eu entendi seu jogo sujo, Amadeu. Cê não esperava, não é?”, insinua ela.

Amadeu diz não estar entendendo nada. “Se eu morresse, a Josiane ia herdar tudo... Ela é quase uma menina ainda. Inocente. Cê, como pai, ia dizer que podia ajudar, é advogado, ia meter a mão no meu dinheiro. No dinheiro dela”, acusa a boleira. “Agora me ofendeu”, fala ele. “Claro que ela, sem conhecer nada dos negócios, ia pedir ajuda pra você. Ou pelo menos foi o que cê pensou. Então esse tiro vinha a calhar”, ressalta Maria.

O advogado fica abalado. “Como pode sequer pensar numa coisa dessas? E tudo que vivemos? Nosso amor?”, diz ele. “Nosso amor, cê jogou fora... Quando a gente se encontrou de novo, cê já tava casado, com filho. Eu que fui boba de ficar presa nesse amor a vida toda. Mas agora, eu tou de olhos abertos”, avisa. Amadeu quer saber quem está colocando essas “ideias” na cabeça dela. “Eu sou uma Ramirez, cê é um Matheus. Eu pensei que a gente podia esquecer essa guerra entre famílias. Mas não”, afirma ela.

Chocado com tudo o que está ouvindo, Amadeu diz que ela nem parece a mesma Maria da Paz de antes. “E nossos sentimentos? Eu sei, eu estou casado, mas o sentimento não morreu”, fala ele. “Para! Quer me enganar mais ainda?”, diz ela. “Quer saber? Fica com seu dinheiro, engole. Eu não estou interessado”, avisa ele. “Mentira!”, diz ela. “Cala a boca, não sabe o que está dizendo”, rebate ele. “Cala a boca você”, fala Maria, que nesse momento dá uma bofetada em Amadeu.

Ele fica furioso. “Não se bate na cara de um homem. Eu não vou reagir, você é mulher. Mas fica sabendo. Eu estou bem casado, com uma mulher que nunca ergueria a mão pra mim”, afirma ele. Amadeu diz ainda que se um dia a filha herdar algo dela, ele não vai querer tocar em um centavo. “Eu vou embora, e não quero mais falar com você. Não me liga, não me procura”, pede ele, que sai. “Cê também. Não me liga, não me procura. Não me procura nunca mais”, fala ela, chorando sem parar.

A Dona do Pedaço: O primeiro beijo de Vivi Guedes e Chiclete

A Dona do Pedaço: Chiclete salva Maria da Paz de tiro de Rael



Veja Também