A Dona do Pedaço: Maria da Paz confronta Josiane sobre roubo

Ela desconfia que a filha armou para pegar as suas joias do cofre


  • 23 de junho de 2019
Foto: Reprodução Globo


Apesar de estar sendo enrolada pela filha, Josiane (Agatha Moreira), e por Régis (Reynaldo Gianecchinni), aos poucos Maria da Paz (Juliana Paes) vai sendo alertada por pessoas próximas sobre as “cobras” a sua volta.

Tudo começa a acontecer quando, no dia do seu casamento, ela vai abrir o cofre e percebe que suas joias foram roubadas. Ela fica furiosa e, mais uma vez, acusa Rock (Caio Castro) de ser o ladrão. Mas, aos poucos, a boleira começa a acreditar na inocência do lutador.

Essa sequência irá ao ar no dia 12 de julho. 

MARIA: “AQUELAS JOIAS QUE SUMIRAM DO COFRE. CÊ PEGOU, JOSIANE? FOI VOCÊ?”

Mesmo com o susto do roubo, Maria sobe ao altar com o pilantra do Régis (Reynaldo Gianecchini). As joias, aliás, foram roubadas por Josiane para que o playboy pudesse pagar a lua de mel. Durante a cerimônia, Maria expulsa Rock do altar, já que ele é um dos padrinhos. Já de volta a São Paulo, após a lua de mel, Maria retorna ao trabalho. E surpreende-se ao ver Rock lá na companhia de seu novo “patrocinador”, Agno (Malvino Salvador). O jovem logo quer saber o motivo que a fez expulsá-lo do casamento.

Ela conta sobre o sumiço das joias e o acusa. O lutador insiste que não fez nada disso. E acusa Josiane de ter roubado as peças. Maria fica passada e eles discutem. Desconfiada, a empresária procura a fiel amiga Marlene (Suely Franco). E a professora aposentada diz acreditar que o lutador é inocente, e a incentiva a ter uma conversa séria com Josiane. Já em casa, Maria não esconde o nervosismo. E espera ficar a sós com Josiane. “Que foi que aconteceu?”, pergunta Jô.

E Maria começa a falar. “Jô, eu preciso saber. Tou com o coração apertado, mas preciso saber. Eu sei que muita mãe, muito pai, não tem ideia do que o filho, a filha faz. A gente fica cega por amor a um filho”, diz ela. Josiane fica desconfiada, mas quer logo ouvir o que a mãe tem a dizer. “Aquelas joias que sumiram do cofre. Cê pegou, Josiane? Foi você que pegou?”, pergunta Maria. Cínica, a jovem mostra-se “chocada”. “Mãe! Como pode pensar numa coisa dessas?”, diz.

Maria diz já ter lido reportagens sobre o assunto. “Muitas vezes a mãe, o pai, não conhecem o filho. Diz, filha, cê tem algum problema?”, quer saber ela. “Problema?”, fala Jô. “Drogas? Às vezes o filho, a filha, usa drogas e a família não sabe. Eu sei que não faria isso por mal, mas no desespero a gente faz o que não quer. Filha, se tiver um problema de drogas, se tiver pego as joias, eu vou entender. É só me contar”, pede a boleira. “Eu pareço alguém que usa drogas?”, diz a falsa Jô. “Não, mas também não tá escrito na testa, tá?”, fala Maria. Nisso, Jô quer saber quem colocou essa história na cabeça da mãe.

Maria diz que conversou com Rock e Marlene. “A Marlene é uma velha boba”, acusa a jovem. “Filha, olha nos meus olhos. Diz”, implora ela. “Eu não tenho nada pra falar. Tenho vontade de chorar. Minha mãe desconfiar de mim dói muito. Nunca esperava. Se fosse uma outra pessoa, eu nem ia mais olhar na cara. Mas você, mãe. Cê que sempre teve do meu lado, que sempre torceu por mim”, encena Jô. A jovem faz um “teatro”. “Filha, não chora. Eu não quis te magoar”, fala.

Josiane continua sua encenação. “Mas magoou. Eu tou numa fase complicada, mãe. Sensível”, inventa. “Mas tá tudo bem com você e o Téo, não tá?”, quer saber Maria. “Tá... Mas cê casou, ainda tou me acostumando com a ideia de ver você casada com o Régis”, mente. “Cê falou de um jeito. Eu sempre achei que gostava do Régis”, diz. “Gosto, mas agora não tenho minha mãe só pra mim”, chantageia. “Tem, filha, tem. No meu coração cabe você, cabe o Régis, a família inteira. Filha, me abraça. Me perdoa”, pede a boleira. “Eu tenho vontade de não te perdoar”, ameaça Jô. “Mas me perdoa por ter pensado na possibilidade!”, implora Maria.

A Dona do Pedaço: Chiclete se declara para Vivi após noite quente

A Dona do Pedaço: Amadeu mostra filha de Régis a Maria da Paz



Veja Também