Carol Macedo sobre Carlos e Inês: “Apesar de ter chegado na hora errada, ela vai lutar pelo seu amor” 

Atriz comenta nova fase da personagem em Éramos Seis


  • 24 de dezembro de 2019
Foto: Globo/João Miguel Junior


Desde que retornou a São Paulo, Inês (Carol Macedo) tem causado um turbilhão de emoções no coração de Carlos (Danilo Mesquita). Dez anos longe do seu amor, vivendo na Bahia, a jovem só voltou após descobrir que o pai biológico, João (Caco Ciocler), e a mãe, Shirley (Bárbara França), nunca lhe entregaram cartas do rapaz e nunca enviaram as suas, nem para o seu padrasto, Afonso (Cássio Gabus Mendes).

Mas quando a jovem chega na cidade, Carlos está iniciando o namoro com Mabel (Carla Nunes). Só que ao rever o seu grande amor de infância, ele fica balançado e confuso, já que é um jovem muito correto. Eles, inclusive se beijaram em capítulo recente. Ao mesmo tempo em que não quer magoar Mabel, ele sabe que ama Inês. E em breve, a própria Mabel dará uma ajudinha para o rapaz.

É que ele descobre que ela mentiu sobre o problema de saúde do seu pai. Imaginando que Carlos deseja terminar o romance com a chegada de Inês, ela inventa essa história. Mas o futuro médico decide terminar com ela ao ficar sabendo da verdade. Aí, então, ele e Inês poderão viver o seu amor.

Inês (Carol Macedo) e Carlos (Danilo Mesquita). Foto: Globo/João Miguel Junior

CAROL MACEDO: “ACHO QUE O CARLOS É A ALMA GÊMEA DA INÊS

Carol Macedo, intérprete da Inês, acredita muito no amor da personagem e de Carlos. Em intervalo das gravações, ela responde algumas perguntas sobre o casal, nos Estúdios Globo.

Você acha que de cara a Inês vai conseguir reconquistar o Carlos, porque ela chegou bem decidida, né? A Inês é uma menina-mulher muito determinada, ela corre atrás do que quer e não desiste fácil. Ela ama o Carlos e sabe que é recíproco e apesar de ter chegado na “hora errada” ela vai lutar pelo seu amor!

Os dois se conheceram muito novos, ficaram 10 anos separados. Acredita que um amor assim possa acontecer mesmo, porque as pessoas mudam, se transformam... Acredito! Acho que o Carlos é a alma gêmea da Inês, em algum momento da vida as almas gêmeas se encontram. Demorando ou não, o amor continua aceso.

Ricardo Pereira sobre Almeida e Clotilde: “É a grande história de amor da novela”

Joana de Verona é a Adelaide, em Éramos Seis: “Chega como um furacão na família”



Veja Também