Segundo Sol: Edgar descobre que Roberval é seu irmão

No embate entre eles, arquiteto tenta trégua, sem resultado


  • 06 de agosto de 2018
Foto: Reprodução Globo


Numa daquelas discussões na casa dos Athayde, Karen (Maria Luisa Mendonça) não se segura, e acaba revelando a Edgar (Caco Ciocler) sua verdadeira história. Que ele é filho de Athayde (Odilon Vagner) e de Zefa (Claudia Di Moura), e irmão de sangue de Roberval (Fabrício Boliveira).

Após todo o susto, ele resolve procurar Roberval, na verdade, o seu chefe na construtora.

Segundo Sol: Beto apresenta Luzia à família Falcão

Um encanto! Raissa Xavier, a Berta, mostra o seu "dendê"

EDGAR: “HOJE EU ENTENDO O MOTIVO DE TANTA MÁGOA”

Edgar entra sem nem mesmo ser anunciado no escritório da presidência. E logo revela que já sabe de tudo. Durante a conversa, ele chega a conclusão que os dois foram vítimas do mesmo pai maluco. E que ninguém foi justo com eles.

“Justo? Você realmente quer me falar do que é justo? Foi justo eu ter sido criado como motorista enquanto meu irmão era criado como um playboy? Eu fui criado num quartinho”, diz Roberval. “O que eu vim aqui pra lhe dizer é que agora eu entendo o motivo de tanta mágoa! E eu sinto muito por tudo que aconteceu. Gostaria muito que tudo tivesse sido diferente”, emenda Edgar.

Orgulhoso, Roberval diz que não quer que o irmão tenha pena dele. E que Edgar devia ter pena de Zefa, de Karen, de Athayde, das duas filhas que ele criou mal e do “lixo que ele se tornou”. “Mas eu tenho pena de você ainda assim. Você foi quem mais sofreu nessa história toda”, tenta explica Edgar.

Mas Roberval continua agredindo ele. “Talvez por isso eu tenha me tornado o mais forte. Olha pra mim! Eu era nada e hoje eu sou tudo! Eu tenho tudo que eu quis e todos vocês estão na minha mão!”, vangloria-se. “E de que adianta tanto dinheiro e poder se você só tem ódio, rancor e mágoa aí dentro do seu peito?”, responde o arquiteto.

EDGAR: “AGORA QUEM NÃO QUER MAIS TRABALHAR NESSE ESCRITÓRIO, SOU EU”

A discussão entre eles continua e, mais uma vez, Roberval ofende o irmão. “Você tem é inveja, isso sim. Sempre teve!”, implica o empresário. “Não tenho! Você se tornou um tirano, um homem sem vida! Você é igualzinho a Severo Athayde! É mesmo filho do meu pai, vocês são idênticos!”, dispara Edgar.

Numa certa altura, Roberval pede para o arquiteto deixar a sua sala, antes que ele perca o emprega. Nesse momento, Edgar responde que já perdeu, e deixa seu crachá em cima da mesa: “Eu vim aqui de coração aberto, querendo paz, mas pelo visto isso é impossível! Agora quem não quer mais trabalhar aqui nesse escritório sou eu!”, atesta o pai de Rochelle (Giovanna Lancellotti)

A atitude de Edgar deixa Roberval possesso. “Como assim!? Quem demite aqui sou eu! E eu te recontrato! Pago o dobro do seu salário!”, grita ele. Ao ouvir que o irmão não está interessado, ele continua insistindo. “Pago dez vezes o seu salário! E construo o shopping com o seu projeto, pronto! Onde é que você vai conseguir uma oferta melhor que essa?”, indaga Roberval.

Mas Edgar está decidido. “Em lugar nenhum! E por isso mesmo é que eu não tenho que aceitar essa oferta de emprego. Porque isso não é uma oferta de emprego, é a venda da minha alma! Com licença!”, pede ele, que sai, deixando Roberval nervoso e com muita raiva.



Veja Também