Éramos Seis: Veja como está a vida dos personagens após 10 anos

Saiba quem é quem nesta nova fase que inicia hoje e promete arrebatar ainda mais o público


  • 04 de novembro de 2019
Isabel (Giullia Buscacio), Carlos (Danilo Mesquita), Julinho (André Luiz Frambach) e Alfredo (Nicolas Prattes); Júlio (Antonio Calloni), Lola (Gloria Pires), à frente. Foto: Globo/Raquel Cunha


Para quem já se apaixonou pela história da emblemática Éramos Seis, que tem sua quinta versão para a TV do romance de Maria José Dupré, verá uma passagem de tempo de 10 anos a partir desta segunda-feira, dia 4 de novembro.

Na adaptação de Angela Chaves - baseada na versão original para a TV de Silvio de Abreu e Rubens Ewald Filho -, com direção artística de Carlos Araújo, as crianças da Avenida Angélica viram jovens da agitada década de 1930.

AS TRANSFORMAÇÕES DOS JOVENS DA CASA DE LOLA E GENU

Na família de Lola (Gloria Pires) e Júlio (Antonio Calloni), Carlos (Danilo Mesquita) é estudante de medicina; Julinho (André Luiz Frambach) acaba de terminar a escola e está em busca de um espaço na faculdade de Engenharia; Isabel (Giullia Buscacio) estuda para ser professora. Alfredo (Nicolas Prattes) é o único que continua sem rumo na vida.

Jhona ( Burjack ) e Lili ( Triz Pariz ); e Virgulino ( Kiko Mascarenhas ) e Genu ( Kelzy Ecard ), à frente.  Foto: Globo/Raquel Cunha

Já na casa de Genu (Kelzy Ecard) e Virgulino (Kiko Mascarenhas), Lúcio (Jhona Burjack) é estudante de direito e Lili (Triz Pariz) estuda com Isabel na mesma escola em que Soraia (Rayssa Bratillieri), filha de Assad, estuda. Inês (Carol Macedo) não deu mais notícias desde que partiu com a mãe, Shirley (Barbara Reis), e o pai, João Aranha (Caco Ciocler). Afonso (Cássio Gabus Mendes) já perdeu as esperanças, mas Carlos continua apaixonado. O jovem escreve cartas para a amada até os dias atuais.

ALMEIDA TEM NOVA COMPANHEIRA, E CLOTILDE SE ARREPENDE DAS ESCOLHAS DO PASSADO

Os problemas dos adultos continuam, claro, uma década depois. Lola e Júlio ainda sofrem para pagar as prestações da casa. A doença do patriarca da família Lemos se agrava, junto com as dificuldades financeiras, mesmo ele tendo se tornado gerente de uma das lojas de Assad. Genu continua com ciúmes de Virgulino.

Já Afonso (Cássio Gabus Mendes) continua recluso desde a partida da filha, Inês. Almeida (Ricardo Pereira), desde que levou um fora de Clotilde (Simone Spoladore), refez a sua vida afetiva. Ele juntou-se com Natália (Marcela Jacobina) e está feliz. Assad, que ficou viúvo de Luci (Lavínia Pannunzio), também encontrou uma nova companheira, Karine (Mayana Neiva), com quem vai se casar em breve.

Natália (Marcela Jacobina) e Almeida (Ricardo Pereira). Foto: Globo/Raquel Cunha

Desde que não aceitou se juntar a Almeida após descobrir que ele era desquitado, Clotilde vive em Itapetininga, onde é professora de catequese. E claramente se arrepende das escolhas que fez no passado. Enquanto isso, Olga (Maria Eduarda de Carvalho) e Zeca (Eduardo Sterblitch) têm três filhos e ela está grávida do quarto. Eles construíram uma casa ao lado da de Dona Maria (Denise Weimberg), que continua se mantendo com a venda de doces em compota.

Zeca ainda desperta em Olga momentos de paixão, mas também momentos de fúria. Tanto que ela quase irá surtar quando descobrir que o marido convidou tia Candoca (Camila Amado) para morar com eles sem avisá-la. Já tia Emília (Susana Vieira) continua só, cuidando de Justina (Julia Stockler). Mas em breve terá companhia também da filha mais nova, Adelaide (Joana de Verona), que volta da Europa.

Nicolas Prattes é o Alfredo em nova fase: “Quer acertar, mas não consegue”

Rayssa Bratillieri entra em Éramos Seis: “Soraia vai ter uma virada e isso me instiga”



Veja Também