Salve-se Quem Puder: Luna vê foto sua na infância em mansão e confronta Helena

Jovem esconde a emoção ao saber que a mãe guarda o registro


02 de maio de 2021

Foto: Reprodução Globo/Montagem

Depois de Luna (Juliana Paiva) se salvar da perseguição de Dominique (Guilhermina Guinle), no início da segunda fase de Salve-se Quem Puder, a jovem vai até a mansão de Helena (Flávia Alessandra) para uma nova sessão de fisioterapia com o agora namorado, Téo (Felipe Simas). Ao final, ele faz um convite tentador à jovem: passar um fim de semana no chalé da família dele, em Campos de Jordão. A moça diz que terá que pedir permissão à dona Ermelinda (Grace Gianoukas). “Daqui a pouco eu tenho que ir, será que a sua mãe já voltou? Não queria confusão”, fala Luna.

O rapaz diz que ela ainda deve estar no Empório. “E mesmo que esteja em casa, a minha mãe vai ter que se acostumar que cê é minha namorada... E que eu tô apaixonado por você”, afirma ele que a beija. “E eu por você...”, diz ela. Nisso, também na mansão, Helena se recompõe de uma discussão com Hugo (Leopoldo Pacheco). Ela ficou furiosa ao ver que ele amassou a foto em que está com Mário (Murilo Rosa) e Luna, no México. “Minha única recordação... Toda amassada...”, lamenta. Mas assim que vê Micaela (Sabrina Petraglia) chamá-la, a empresária fecha a caixa e deixa ali na sala para atender a filha.

Salve-se Quem Puder: Luna reage, atira contra Dominique e se salva no início da segunda fase

LUNA FICA EM CHOQUE COM FOTO NA CASA DE HELENA: “NÃO PODE SER... SOU EU PEQUENA”

Instantes depois, Luna está na sala, quando Enéas (Giordano Becheleni) diz que lhe trará um café até o táxi chegar. A jovem caminha pelo local e, sem querer, a bolsa esbarra na caixinha de Helena. A foto cai, virada. “Ainda bem que não quebrou nada”, fala Luna. Ela pega a foto, vira e fica em choque. “Não pode ser... Sou eu pequena... Com a minha mãe e o meu pai...”, diz a si mesma, atônita. Nesse momento, Helena aparece no alto da escada, atônita. “Solta essa foto agora, garota!”, fala.

Mesmo nervosa, Luna questiona a ricaça. “Quem são essas pessoas da foto, dona Helena?”. A empresária tira rispidamente a foto da mão da jovem. “Isso não é da sua conta!”, afirma. Luna, passada com a situação, não desiste do interrogatório. “Era a senhora mais jovem, não era? Com um homem e uma menina”. Irritada, Helena fala que Luna é muito intrometida. “Não é a primeira vez que eu te encontro mexendo nas minhas coisas!”.

Flávia Alessandra sobre cenas do desfecho de Helena e Luna: “Um banquete para qualquer atriz”

 

HELENA FICA IRRITADA AO VER LUNA MEXER EM SUAS COISAS, MAS SE ABALA AO FICAR TÃO MEXIDA DIANTE DA JOVEM

A moça garante que foi sem querer. “Não precisa ficar tão nervosa. É só uma foto... E a senhora parecia feliz, tava sorrindo, abraçando uma... menininha”, diz. Helena encara a jovem, sem entender por que ela a provoca tanto. “Por que esse interesse na minha vida, hein?” Você já conseguiu o que queria, o Téo se apaixonou por você. E mesmo assim, parece que você gosta de me provocar!”. Luna afirma que só ficou curiosa. Helena desconversa, dizendo que é uma foto antiga dela com um amigo e a filha dele. “Mais alguma pergunta, Fiona?”.

A jovem continua alfinetando a empresária. “A senhora ficou realmente abalada por causa dessa foto...”. Helena afirma que não tem nada a ver com a foto, mas com o fato de ela ficar remexendo as suas coisas de novo. Nisso, Enéas chega com o café. Mas Helena se adianta. “Ela não quer café nenhum... A Fiona já está de saída...”, avisa. Luna engole seco, arrasada. “Eu vou esperar o táxi lá fora”, fala a jovem, segurando as lágrimas. E Helena fica bem abalada. A pergunta é, quando e como, Helena descobre que Fiona é sua filha, Luna?

Salve-se Quem Puder: Autor revela quando Helena descobre que Fiona é sua filha, Luna