O Clone: Jade arma fuga com Khadija, é achada e implora para Said aceitá-la de volta como esposa ou ama da filha

Ela não suporta a ideia de ficar longe de sua bebê e promete nunca mais decepcionar o comerciante


30 de novembro de 2021

Foto: Reprodução Globo/Montagem

Nos próximos capítulos de O Clone, Jade (Giovanna Antonelli) tentará fugir com Khadija, mas terá os planos frustrados ao ser descoberta pelos homens de Ali (Stênio Garcia) e Said (Dalton Vigh). Após dar a luz, ela cumpre os 40 dias de resguardo com muita angústia. Cada vez mais encantada pela maternidade, ela sabe que não conseguirá viver longe de sua bebê. Por isso, avisa que não entregará a menina para Said, como deve ser feito segundo as leis árabes, quando os pais se separam.

Assim que fica sabendo que Said está prestes a escolher uma nova esposa, Jade arma para “melar” os planos do marido. E quando Zoraide conta que ele até já conheceu a família da moça, Jade pede à governanta para que ela dê um jeito de trazer essa jovem até ela para dar “dicas” de como conquistar o comerciante. Esperta, Jade fala para a jovem fazer tudo ao contrário do que Said gosta. E dá certo, ele desiste da pretendente. “Acabou o casamento”, diz Zoraide. Jade vibra. “Deu certo! Agora eu já sei o que tenho que fazer”.

Foto: Reprodução Globo

A governanta fica ressabiada e pergunta o que ela fará. “Espera, você vai ver”. Nisso, Ali (Stênio Garcia) chega e confirma que não terá mais casamento. Zoraide festeja. “Não se alegre tanto, Zoraide. Não foi essa, há de ser outra. É justo, Jade não alimentou o amor que ele tinha por ela”. Nessa hora, Jade abraça Khadija. “Tem que dar certo”, diz a si. Quando anoitece, ela pega a bebê e sai de casa. Jade segue até próximo das ruínas, numa das cabanas em que se encontrava com Lucas (Murilo Benício).

No local, Jade ora com a filha no colo. Já de manhã, Said chega na casa de Ali. “Vim buscar minha filha”. Ali pede para Zoraide pegar Khadija. Logo, percebem que Jade desapareceu com a menina. “Ela não pode estar longe, vou buscar os meus empregados”, fala Said, furioso. Ali também chama seus homens. “Vai ser quebrada a minha honra”, fala ele, decepcionado com a sobrinha. Todos seguem à procura de Jade. Zoraide reza. “Allah, proteja Jade e Khadija, guia com tuas mãos as duas para chegarem a um bom destino”.

Foto: Reprodução Globo

Momentos depois, alguns homens ouvem choro de um bebê na região das colinas e encontram Jade. Eles a levam até Said, que está em frente a sua casa. O comerciante dispensa os funcionários. Ele olha, sentido, para Jade. Ela olha, chorando, para Khadija. Said estende as mãos para pegar a bebê. “Me dá minha filha”. Nessa hora, Jade o surpreende. “Me aceita de volta, Said. Eu prometo que nunca mais vou criar transtorno na sua vida. Eu vou ser a melhor esposa que um homem pode ter. Não me tome a minha filha não”, implora.

Jade fala que se ele não a quiser mais como esposa, ela pode ser ama de Khadija. “Eu só quero ficar perto dela, Said, só quero ver ela crescer”, diz. O comerciante fica, por instantes, pensativo, e caminha em direção à porta de casa. Até que se vira para Jade. “Entra”, fala. Ela esboça um sorriso, olha para a filha, e lágrimas escorrem de seu rosto, sabendo que agora não mais se separará de sua menina. Said abre a porta para Jade entrar com Khadija. A partir daí, começam uma nova vida juntos.

Foto: Reprodução Globo

Foto: Reprodução Globo

Foto: Reprodução Globo

Foto: Reprodução Globo