Vitória Furtado e Sidcley Batista exaltam trabalhadores do teatro

Eles estreiam a peça No escuro ou O que faz uma mariposa sem uma lâmpada


  • 08 de fevereiro de 2019
Foto: Vera Donato/Divulgação


De autoria de Jau Sant' Angelo e direção de Jefferson Almeida, os atores Vitória Furtado e Sidcley Batista estrelam No escuro ou O que faz uma mariposa sem uma lâmpada. Em cartaz no Teatro Clara Nunes, no Rio, a comédia melodramática faz uma homenagem aos trabalhadores do teatro.

“A peça é uma declaração de amor à arte de representar. Daí surge a base da encenação: uma peça dentro de uma peça, uma personagem em busca de si através de personagens… Tudo é metalinguagem, usamos a peça para mostrar como o teatro opera. O nosso desejo é o de criar mágica, mostrando o truque. E, ao final, provocar, uma pequena reflexão sobre o trabalho por trás da mágica”, conta o diretor Jefferson Almeida.

Veja na galeria de fotos abaixo quem conferiu a estreia!

Camilla Camargo é subcelebridade na comédia Divórcio!

Meu Destino é Ser Star é embalado por canções de Lulu Santos

A HISTÓRIA 

Laura é uma atriz que abandona o ofício logo após se formar, por conta de uma experiência traumática na estreia profissional. Assim, ela passa a trabalhar na bilheteria do Cine Íris pelos próximos 20 anos.

Certo dia, reencontra um ex-colega dos tempos da Escola de Teatro que, através de um “vamos trabalhar juntos” faz reviver a Laura de 20 anos atrás. Com isso, Laura larga o emprego e se tranca em seu quarto por dias seguidos numa espera angustiada pelo se retorno à cena.

Vitória Furtado e Sidcley Batista. Foto: Vera Donato/Divulgação

É é na clausura do quarto que vemos “O que faz uma mariposa sem uma lâmpada”, a medida em que Laura confunde realidade e fantasia, passeando pelas personagens que formam seu universo criativo: Blanche DuBois, Nora, Fedra…

A realidade passa a ser um peso, e Laura começa a flertar com a loucura. Seu marido, Bento, é aquele que tenta devolvê-la à vida real.

Gabriela Duarte e Silvio Guindane estreiam Perfume de Mulher

João Batista Júnior estreia monólogo Portar(ia) Silêncio

No escuro ou O que faz uma mariposa sem uma lâmpada. Comédia melodramática. Até 27/02. Teatro Clara Nunes. R. Marquês de São Vicente, 52, Gávea, Rio. Terças e quartas, às 20h. R$ 70,00. Duração: 70min. Classificação: 12 anos.



Veja Também